(84) 3082-1871 / 3222-8231 / 3201-3807

Vacina Salk- Antipoliomielite Inativada

Doença

A Poliomielite ou Paralisia Infantil é uma doença causada por um vírus que pode ocorrer sob forma de infecção inaparente ou sob forma paralítica, que pode provocar seqüelas permanentes ou levar à morte.
Atualmente, a Poliomielite encontra-se erradicada no Brasil em virtude das ações de Imunização e Vigilância. Entretanto a imunização contra a Paralisia Infantil precisa continuar sendo feita para manter o estado de erradicação da doença no País e evitar a reintrodução do vírus em áreas livres do mesmo.

Composição

Vacina composta por vírus inativados da poliomielite, podendo ser utilizada em pacientes imunocomprometidos e seus contactantes.

Eficácia

Acima de 90% para os 3 tipos de vírus.

Indicações

Deve ser administrada de forma universal, a partir dos 2 meses de vida. 
Entretanto, existem indicações formais para grupos com maior risco de complicação pela vacina de vírus vivos (Sabin): 
* Portadores de imunodeficiência (congênita ou adquirida), não vacinadas contra a poliomielite
* Pessoas que estejam em contato domiciliar com imunodeficientes e suscetíveis, não vacinadas contra a poliomielite
* Transplantados de medula óssea.

Contra-indicações

* História de anafilaxia a dose anterior da vacina ou seus componentes
* Deve ser adiada no caso de infecções agudas febris

Esquema

* Administrada em 3 doses, por via intramuscular, aos 2, 4 e 6 meses de vida.
* Um primeiro reforço deve ser dado 1 ano após a última dose
* Um segundo reforço entre os 4 e 6 anos de idade.

Doses

 

Reação

Pouco freqüentes. Foram relatados prurido e erupções cutâneas, além de reações no local da injeção.

Considerações

Usualmente administrada nas vacinas Penta e Hexavalente