Inverno também é tempo de cuidar da pele

A chegada do inverno é um baque para o corpo inteiro, principalmente para a pele e para o sistema respiratório. A queda da temperatura e da umidade deixa o corpo mais vulnerável e doenças.


O choque térmico prejudica o sistema de defesa do corpo, então é importante andar sempre bem agasalhado e tomar cuidado com os ambientes com ar condicionado, que podem ser quentes ou frios demais.


Lugares fechados, sem circulação de ar, favorecem a transmissão de doenças, então é bom evitá-los. Quem tem problemas respiratórios, como bronquite e rinite, fica mais exposto, porque o frio dificulta a proteção contra agentes externos, como poeira, vírus e bactérias.


Uma dica importante é usar cobertores sintéticos e antialérgicos, que não soltam pelos, e mantê-los arejados, para evitar os ácaros.


Mesmo com o frio, é importante continuar bebendo bastante água – uma opção é o chá quente. Se o corpo fica bem hidratado, diminuem as chances de que as secreções bloqueiem as vias respiratórias. A pele também agradece, pois fica menos ressecada.


Para a pele, também é importante resistir à tentação de ficar ao sol para se esquentar. Os raios ultravioletas do inverno também queimam a pele, então não se pode abrir mão do protetor solar.A água quente demais também resseca a pele, logo o banho deve ser tomado na temperatura normal.